quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Homem cruza fronteira do México para os EUA vestido de Bin Laden para demonstrar falta de segurança


Insistem em dizer-nos que o nosso planeta deve ser dividido com riscos traçados num mapa chamados de fronteiras. Mas desde cedo que, sempre que atravessava uma (no tempo em que ainda tínhamos postos fronteiriços para passar para Espanha), que me interrogava: o que impede qualquer pessoa de simplesmente caminhar um lado para o outro, noutro qualquer local?

Foi algo que um activista decidiu por à prova na fronteira entre o México e os EUA, tendo-se disfarçado de "Bin Laden" para ajudar a tornar a coisa mais caricata.

O objectivo era demonstrar que a promessa de "segurança" nesta vasta fronteira não passa de uma ilusão, mesmo sendo uma das mais vigiadas do planeta. As autoridades desculparam-se dizendo que os veículos de reportagem tinham sido detectadas e interceptados, mas depois de verificarem que estava tudo em ordem, os "deixaram à vontade".

... Quanto a mim só serve para demonstrar que, caso alguém decida fazer alguma coisa... encontrará sempre forma de o fazer - por muito que se implementem "medidas de segurança" que importunam milhões de pessoas.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails