segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Artista polaco passou 46 anos a pintar números até ao infinito


Se para alguns artistas encontrar inspiração sobre o que pintar será um problema, esse não seria seguramente o caso de Roman Opalka, um pintor polaco que em 1965 decidiu começar a pintar números do 1 até ao infinito.

O seu "1965/1-∞" consiste numa série de quadros que foi pintando ao longo de mais de quatro décadas, sendo que desde logo saberia que se trataria de uma missão impossível, pois o infinito seria sempre impossível de atingir. Ainda assim, esperava que ao menos viesse a conseguir chegar ao número 7,777,777 - coisa que também não foi possível atingir, e que servirá para demonstrar a curta existência da vida humana quando posta em perspectiva numérica.

Quando morreu em 2011, Opalka tinha apenas conseguido chegar ao 5,607,249 numa altura em que já estava a pintar números brancos sobre uma tela branca (depois da sua decisão em 1972 de começar a tornar cada tela - inicialmente com fundo a preto - 1% mais branca).

sábado, 19 de agosto de 2017

Mulher encontra anel que perdeu há 13 anos - numa cenoura


Uma canadiana de 84 anos tinha ficado devastada quando, há quase 13 anos atrás, perdeu o seu anel de noivado com diamante, enquanto trabalhava na sua quinta. Era um anel com grande valor sentimental e que usava diariamente desde 1951... e que agora regressou ao seu dedo, graças a uma cenoura.

Quando o perdeu em 2004, Mary Grams procurou-o durante dias, até finalmente se resignar que não voltaria a vê-lo... Mas na semana passada, quando a sua filha estava a tirar cenouras do quintal, descobriu uma bastante estranha, que vinha com uma prenda especial: a cenoura vinha com o anel da sua mãe!

Curiosamente, esta não é a primeira vez que as cenouras auxiliam o reencontro com anéis perdidos, sendo que também já houve um caso idêntico na Suécia há vários anos atrás. Portanto, se alguma vez perderem um anel num campo, jardim ou quintal... basta plantarem cenouras e depois esperarem uma década.

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

As árvores anti-sociais


Quando se pensa em florestas, imagina-se centenas de árvores que se misturam num manto verde... mas há árvores que não são assim tão simpáticas e preferem manter alguma distância entre si.

Olhando-se para a copa destas árvores a partir do solo, vê-se uma impressionante demarcação da sua folhagem, criando uma verdadeira fronteira entre elas, de modo a que não se toquem. O mecanismo como o fazem parece ainda não ser completamente conhecido, havendo quem diga que poderá ser uma forma de defesa contra insectos, dificultando a sua passagem de árvore para árvore, enquanto outros dizem que isto acontece simplesmente devido à fricção das árvores a abanarem ao sabor do vento.

... Seja qual for o motivo, o resultado não deixa de ser curioso:


terça-feira, 15 de agosto de 2017

Equipa chinesa pinta estádio de dourado para dar sorte


Após meses de derrotas consecutivas, uma equipa chinesa decidiu recorrer a tácticas menos convencionais para mudar a sua sorte, pintando o seu estádio de dourado.

O Guangzhou R&F tinha pintado o seu estádio de azul o ano passado, mas a cor da equipa não estava a dar resultado, tendo vencido apenas um jogo em casa desde Março! Depois de se terem atirado as culpas para tudo e todos, o desespero lá fez com que se virassem para feng shui com a decisão de mudar a cor do estádio, e optando pelo dourado, cor que deveria trazer uma energia mais positiva e boa sorte.

Coincidência ou não, desde então a equipa ganhou os quatro últimos jogos com vitórias expressivas com mais de 4 golos marcados em cada um deles.

... Por este andar, arriscam-se a mudar até a cor do equipamento para dourado! E se a moda pega, um destes dias vemos alguns clubes portugueses a copiar a táctica. :)

domingo, 13 de agosto de 2017

Condutores e má sinalização


Como lidam os condutores com más sinalização que na prática é absurda? A resposta: de forma igualmente absurda.

... Fico curioso para ver como é que os carros sem condutor irão lidar com este tipo de coisas. ;P


Related Posts with Thumbnails