domingo, 13 de outubro de 2013

Apresentadora turca demitida devido a decote ousado


Nos EUA já estamos habituados a que um deslize que permita vislumbrar um mamilo possa causar grandes comoção nacional, mas na Turquia parece não ser preciso chegar a tanto para que o mal seja logo cortado pela raiz.

A apresentadora Gozde Kansu pensou que o seu vestido "arejado" seria apreciado pelos espectadores, permitindo registar para a posteridade a sua boa forma física. Infelizmente, o partido no poder parece não concordar com tanta curvatura na televisão e despediu-a com a justificação de que o decote era exagerado. Se era exagerado, seria de pensar que passassem a disponibilizar regras de conduta a dizer quantos centímetros de decote se podem ver, não?

Cá para mim a frustração dos membros deste partido terá mais a ver com o facto de provavelmente estarem mal habituais aos inflacionados implantes mamários de silicone populares em terras do Tio Sam, e não quiseram que a Turquia ficasse mal vista perante esses volumes. Alguém que lhes diga que mais vale pequenos e naturais, que grandes mas de plástico!

Esperemos que a apresentadora não tenha dificuldade em arranjar novo emprego noutro local onde não se sintam incomodados com a quantidade de pele que mostra.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails