quinta-feira, 1 de março de 2012

Passos Piegas

Já estamos habituados a que os políticos não cumpram as suas promessas, de tal forma que já nem se acha "anormal" que o façam.

O nosso querido líder primeiro-ministro Passos Coelho manda-nos emigrar e não ser piegas... mas parece finalmente não ter resistido a quebrar mais uma das suas promessas: a de não atirar as culpas para o governo anterior.

Para ser sincero, pouco me chateia que o faça ou deixe de fazer... mais me irrita ver os seus colegas do PS a dizerem para ele deixar de se desculpar... como se não tivessem tido nada a ver com a situação a que o país chegou (não foi assim há tanto tempo que se chegou ao limiar de não ter dinheiro para pagar os ordenados, certo?)

Culpas, desculpas... aumentos, impostos... já se sabe que quem vai ter que arranhar para aguentar com o barco são os contribuintes. E ao ritmo a que vejo muitos colegas e conhecidos a ficarem desempregados, interrogo-me sobre se ainda seremos em número suficiente para manter o barco à tona...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails