quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Sinceridade de Sócrates


Afinal, José Sócrates até é um tipo sincero... Ou pelo menos assim parecia em Setembro de 2000. Desde então deve ter-se esquecido disso (e de muito mais...)

Transcrição:
Engenheiro José Sócrates, camos vê-lo, um dia, Primeiro Ministro?

- Não! Primeiro, porque não tenho o talento e as qualidades que um Primeiro Ministro deve ter. Segundo, porque ser um Primeiro Ministro é ter uma vida na dependência mais absoluta de tudo, sem ter tempo para mais nada. É uma vida horrível e que eu não desejo. Ministro é o meu limite. Aceitei pagar este preço. Mas nada mais do que isso.

E agora somos todos nós que andamos a pagar o preço que todos nós sabemos... das máfias das gasolineiras às SCUTs, IVAs abusivos, e tudo mais.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails