quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

O Gasóleo em 2008

Lembram-se daquele gráfico bonito que eu vos apresentei o ano passado com a evolução do preço do gasóleo?

Pois bem, aqui está o gráfico actualizado, já com os valores até à presente data...

Tal como tinha referido anteriormente, estes valores são os que eu recolhi pessoalmente ao longo do tempo (e por norma abasteço num local que oferece desconto de 5 cêntimos sobre o preço de tabela.)

Felizmente verificamos que estamos novamente com os preços ao nível dos que tinhamos em 2005, o que é um alívio depois de termos passado vários meses com o gasóleo a roçar o preço de 1,40 por litro.


No entanto, como tenho os dados para aqui metidos, vou partilhar convosco o resto das estatísticas:

De 2006 para cá, tenho conseguido reduzir o número de Km que faço (por estar a morar mais perto do local de trabalho)

2006 - 19227 Km / 2092,30 lt / 2074,08 Eur
2007 - 12039 Km / 1337,90 lt / 1384,10 Eur
2008 -  9195 Km /  989,00 lt / 1205,15 Eur


É unicamente graças a este pequeno pormenor que o fui - de certa forma - poupado àquela exorbitância do preço dos combustíveis no terceiro trimestre de 2008.
Mesmo com o custo por Km a aumentar ao longo dos anos, o facto de fazer menos Km tem-me permitido gastar cada vez menos dinheiro no combustível.

Custo por Km
2006 - 0,108 Eur
2007 - 0,115 Eur (+ 7% que 2005)
2008 - 0,131 Eur (+22% que 2005, +14% que 2006)


Ou seja, se o preço se tivesse mantido estável como esteve em 2006, em vez de 1205 Euros teria gasto apenas 993 Euros - poupado mais de 200 Euros.
Por outro lado, se tivesse o azar de ter que continuar a fazer todos os Km que fazia dantes, em vez 2000 Euros passaria a gastar 2518 - mais 500 euros por ano que certamente fazem muita diferença para muita gente.

Ou seja... atiram-nos com uma inflação que já nada quer dizer, pão e electricidade sobem N%, e este "imposto" dos combustíves é equivalente a menos um ordenado mensal por ano... não admira que o poder de compra ande pelas ruas da amargura.

(E não vou entrar em considerações sobre o sobre-endividamento das famílias em créditos estúpidos e inconscientes, a falta de transportes públicos ou condições para transportes alternativos... tudo isso daria muito mais sobre que falar.)

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails