sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Mirones perigosos

Na quarta-feira às 11h30 da manhã o trânsito ficou interrompido na A29 no sentido norte-sul, devido a um acidente com um camião-cisterna de transporte de gasolina.

passados 10 minutos ficou interrompido o trânsito no sentido sul-norte, porque se verificaram vários acidentes, muito provavelmente por causa dos mirones, que para além de reduzirem a velocidade da marcha, chegam mesmo a travar (quase a fundo) para poderem ver o que se passa na via em sentido contrário.

O trânsito ficou interrompido totalmente, nos dois sentidos, até às 19h30.. abrindo no sentido sul-norte, mas pelo que eu vi, no sentido norte-sul era coisa para continuar pela noite dentro.

No momento em que já ia eu a passar na zona do acidente, novamente o mesmo síndrome (tuga? humano?) se verifica. Começa tudo a travar... e lá vamos nós ter outro acidente... e penso eu "bom.. devem ter aberto só uma faixa ou assim..". Mas não, as faixas estavam todas livres para o pessoal andar livremente. Os energúmenos estavam novamente a travar para poderem ver o aparato na via contrária. o_0

Mas, esta gente não reparou ainda nos acidentes que causam com esta mania de travarem nas auto-estradas para poderem espreitar os acidentes?? Não têm noção nenhuma?

É que mesmo um condutor atento como eu (sim, eu sou atento) que vai sempre a olhar uns carros à frente para avaliar como vai o trânsito e tal... não pode prever estas coisas.. porque enquanto que 3 ou 4 carros à frente são pessoas normais que não travam e mantêm mais ou menos a velocidade que levam ao passar pelo local do acidente, aqueles anormais que vão mesmo coladinhos à minha frente (sempre com uma distância aceitável de segurança, gosto pouco de cheira-cús), esses dá-lhes assim nas ganas e toca a travar à descarada e nem quatro piscas nem o caraças (se é que adiantava alguma coisa, quando vamos todos a 100-120).

E de repente dou por mim a travar quase a fundo, e a olhar para o espelho traseiro a ver se tenho de me atirar para fora da estrada ou não, para não levar com um gajo por trás...

Somos uma raça do caraças.. os condutores portugueses são péssimos.. temos tanta sinistrilidade nas estradas portuguesas, mas não há hipótese, este pessoal só aprende quando lhes toca na pele... seja andar dentro do limite de velocidade, seja circularem pela direita (e não pelo meio nem pela faixa da esquerda) ou simplesmente não travarem a fundo quando vêm um acidente na outra via.

Ainda ontem falava na notícias de três crianças atropeladas dentro de uma localidade em Alcanena e hoje 2 mortos e uma ferida com gravidade à saída da estação do Cais do Sodré em Lisboa (uma condutora ignorou o sinal vermelho e vinha em excesso de velocidade).

Palavras para quê? Este pessoal não aprende... o_0

As campanhas na televisão em Inglaterra contra a sinistralidade rodoviária são bem pesadas, em Portugal, são uma coisinha sem sal, que nem percebo porque se dão ao trabalho de gastar algum dinheiro com aquilo. Ouvia-se no verão na rádio e na televisão: "não morra hoje na estrada". Yah.. eficaz... right to the point... mas que grandes cromos... :/

isto é que são campanhas pah:





Para quem não viu, aconselho vivamente que os vejam.

Conduzam com segurança e consciência. :)

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails