terça-feira, 4 de abril de 2017

Na Polónia os tapa-vento servem para demarcar a praia privada para cada um


Os populares tapa-vento (pelo menos na zona norte de Portugal, onde se tornam acessórios indispensáveis para resistir às "nortadas") também são bastante apreciados na Polónia, no entanto lá evoluíram para algo que me parece que, mais cedo ou mais tarde, também poderá acontecer por cá nalgumas praias: marcar zonas "privada" para cada veraneante.

Nas praias assistimos a fenómenos curiosos, como a célebre situação de numa praia praticamente deserta, o próximo grupo de pessoas a chegar decide acampar precisamente a 2cm de distância de onde estão (que já perdi a esperança de tentar compreender). Quando se tratam de praias mais congestionadas, é certo que isso tem que acontecer, mas o desejo por espaço transcende fronteiras, e os nossos amigos polacos não se sentem incomodados por usar os tapa-ventos para fechar uma zona da praia em seu redor, para garantir que não há "intrusos".


A parte cómica é que, quando todos fazem isso, ficamos com uma praia cheia de mini-lotes "privados" onde se torna numa verdadeira missão impossível tentar atravessar esse labirinto para chegar à água, havendo aqueles que nem se dignam a deixar algum espaço de passagem entre a sua "zona" e a dos vizinhos.

... Bem, não nos podemos queixar muito... por cá também já temos daquelas situações de deixarem as toalhas a marcar lugar na praia logo desde a madrugada... pelo que se calhar, a mentalidade de polacos e portugueses não seja assim tão diferente.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails