quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Ahmed Mohamed - estudante de 14 detido por levar para a escola um relógio electrónico que fez em casa


Algumas pessoas poderiam pensar que um jovem de 14 anos, interessado em electrónica ao ponto de estar constantemente a inventar os seus próprios projectos, seria um exemplo a seguir e a incentivar. Infelizmente, parece não ser o caso no Texas, onde isso lhe valeu ser algemado e levado pela polícia para um centro de detenção juvenil, por ter feito "algo que parecia uma bomba como nos filmes"!

Não sei se fique mais pasmado com a atitude dos polícias, que ignoravam por completo todas as tentativas de explicação do jovem, que insistentemente dizia que era apenas um relógio digital - se com a do próprio professor que desde logo ficou "preocupado" com a invenção e disse que seria melhor não a mostrar a mais ninguém. Algo que o jovem Ahmed Mohamed não conseguiu fazer quando, no meio de outra aula, o alarme do relógio começou a apitar - dando origem a todo o reboliço que acabaria com a polícia a ser chamada, para de seguida o algemarem e levarem para mais averiguações.


Triste sociedade esta que se deixa guiar pelo medo e preconceitos... Deixa-nos a pensar como o mundo seria nesta altura, se noutros tempos, um outro estudante, filho de um migrante sírio, também tivesse sido detido e perseguido por construir coisas que pareceriam bombas:

[Steve Jobs de descendência síria, com Steve Wozniak]


Actualização: Como seria de esperar, este incidente está a dar muito que falar e o próprio Presidente Obama já veio convidar o jovem publicamente para ir mostrar o seu relógio à Casa Branca.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails