domingo, 14 de dezembro de 2014

Usa o Flash para detectares cancro nos olhos das crianças


Aproximamos-nos de uma época festiva que convida ao uso e abuso das máquinas fotográficas para registar memórias para a posteridade, e há algo que poderão também fazer: usar o flash da vossa câmara para potencialmente detectar problemas nos olhos dos mais pequenos.

Todos conhecemos o fenómeno dos "olhos vermelhos" quando se tiram fotos com flash, e muitos têm sido os sistemas desenvolvidos para remover esse efeito - mas depois de saberem que o flash poderá ser usado para detectar problemas oculares, poderão querer desactivar esses sistemas.

Há um cancro ocular (retinoblastoma) que pode ser facilmente detectado em fotos com flash, pois em vez de surgir a pupila a preto ou vermelho, a mesma aparece com uma mancha esbranquiçada.


Se for esse o caso... não percam muito tempo a pensar que é problema da câmara ou do flash, e dirijam-se o mais rapidamente possível a um oftalmologista.

Para "melhor diagnóstico" não se esqueçam de desactivar os sistemas de redução de olhos vermelhos: tanto os que dão uma pré-sequência de flashes para fechar as pupilas, como os que digitalmente alteram a cor das pupilas de modo a ficarem "normais". Aqui o que interessa é mesmo ver a foto tal como ela é.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails