quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Fotógrafo testemunha quase afogamento de criança na Nazaré


Servindo como (mais uma) demonstração do respeito que é preciso ter pelo mar, e de como a irresponsabilidade e desatenção pode acabar em tragédia numa questão de segundos, Paulo Pinheiro testemunhou um episódio assustador na Nazaré, onde uma criança quase se afogou perante a distracção do pai que estava ao telemóvel.

Tendo ido para o local para fotografar kitesurf, Paulo, que estava no cimo de uma falésia desde logo ficou bastante preocupado com o facto de ver uma criança perto da zona da rebentação, enquanto o seu pai / acompanhante falava distraidamente ao telemóvel; e tentou alertar para isso com gritos e gestos, que terão sido ignorados ou despercebidos. Infelizmente, não demorou para que os seus piores receios se concretizassem, quando uma onda mais forte apanhou a criança de surpresa e a arrastou - dando origem a um episódio de adrenalina (e raiva) que quase o fez arriscar saltar de uma altura de cerca de 10 metros para de seguida tentar chegar até ela (a centenas de metros de distância).

Felizmente, em vez do dia acabar em tragédia, uma outra vaga voltou a atirar a criança para a costa. Resta agora partilhar isto e esperar que sirva para educar muitos outros, para que nunca se vejam numa situação idêntica... que possa ter um desfecho menos feliz!

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails