sábado, 3 de fevereiro de 2018

Roland disfarça sons nas casas de banho


Não há país onde se dê mais importância às casas de banho que o Japão, pelo que não será surpresa ver o fabricante Lixil recorrer ao conhecimento da Roland para criar um dispositivo capaz de disfarçar os sons que possam ocorrer.

O problema dos sons feitos nas casas de banho públicas é bem conhecido, e tradicionalmente era "resolvido" com os utilizadores a descarregarem o autoclismo para que a descarga da água abafasse os sons que estivessem a produzir sem ficarem demasiado constrangidos com o que outras pessoas por perto pudessem pensar. Claro que isso não é uma forma muito ecológico de lidar com o problema, o que levou à criação de outros dispositivos, que tocavam música ou sons da natureza... mas que infelizmente não evitavam que os sons indesejados continuassem a sobressair da "melodia".

Este Sound Decorator da Roland faz parte de uma nova geração de produtos, que é capaz de analisar o som em tempo real, suprimindo as frequências problemáticas e fazendo com que, no exterior, apenas se ouça a banda sonora pretendida (como o som de um riacho no meio de uma floresta, acompanhado pelo som dos pássaros).
Não é o tipo de produto que se deva encontrar fora do Japão, mas se estiverem interessados, uma versão com activação manual custa cerca de 200 dólares, enquanto que uma versão completamente automática que detecta a aproximação do utilizador custa 300 dólares.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails